Fiscalização conjunta da prefeitura regional, Policia Militar, Guarda Civil Metropolitana ( GCM) e Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) será realizada em toda a cidade e em breve na Zona Norte ==  A ‘Operação Sono Tranquilo’, de combate aos bailes funks espontâneos, conhecidos como ‘fluxos’, teve mais uma edição positiva na 6ª.feira passada (14/04/2017) e aconteceu na Cidade Tiradentes. Com o fator “surpresa” e informações reservadas, a Operação Sono Tranquilo irá a outros bairros da cidade, em breve na Zona Norte/Nordeste e Noroeste.

A ação teve a presença do prefeito em exercício Bruno Covas, do prefeito regional de Cidade Tiradentes,  Oziel de Souza, do secretário de Segurança Urbana, José Roberto Oliveira, do secretário adjunto das Prefeituras Regionais, Fábio Lepique e do vereador Caio Miranda Carneiro. 

Fluxos ou pancadões são festas que ocorrem na rua e infringem algumas leis, como perturbação do sossego, fechamento de vias, som alto, além de ser um local propício para o consumo de drogas e a circulação de veículos irregulares. 

Em conjunto com a Polícia Militar, Guarda Civil Metropolitana e CET, a equipe de fiscalização da Prefeitura Regional percorreu as vias que ocorriam esses eventos, como a rua Arroio Triunfo, que antes da Operação recebia mais de três mil pessoas durante essas festas irregulares. 

“Essa operação começou aqui em Cidade Tiradentes, porque no passado, foram registrados 40 pancadões na região. Hoje nós já mapeamos que em toda a cidade existem cerca de 50. O Oziel envolvendo todas essas instituições conseguiu erradicar os pancadões na Cidade Tiradentes e é isso que nós vamos fazer na cidade como um todo”, afirmou o prefeito em exercício Bruno Covas. 

É importante destacar que qualquer cidadão pode e deve denunciar a existência desses encontros para a Prefeitura por meio do telefone 156, praças de atendimento das prefeituras regionais ou pelo site https://sp156.prefeitura.sp.gov.br/portal/.

 

Natal 2017 CN

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here