O que acontece quando um artista, em busca de sua arte, é eclipsado pelo personagem que interpreta? Este é o tema central de Bingo – O Rei das Manhãs, comédia dramática livremente inspirada na impressionante história do ator, apresentador e, hoje, líder religioso Arlindo Barreto.  Uma história incrível – e surreal – ambientada numa roupagem pop e exagerada dos bastidores da televisão dos anos 80.

Nos anos 1980, ele dominou a audiência da TV brasileira personificando um famoso palhaço nas manhãs do SBT.  Enquanto isso, poucos sabiam quem realmente era o homem por trás da maquiagem, já que uma cláusula no contrato não permite revelar quem é o homem por trás da maquiagem e Augusto, ou o novo “Rei das Manhãs”, se transforma no anônimo mais famoso do Brasil.

No filme, o protagonista é Augusto Mendes (Vladimir Brichta), um ator de pornochanchadas que sonha com o sucesso em telenovelas em um grande canal. Porém, sua chance surge em uma rede concorrente, à frente de um programa infantil matutino. O sucesso é enorme.

Como ele não pode revelar sua identidade, permanece anônimo longe das câmeras. Esse paradoxo o leva a uma rotina repleta de excessos nos bastidores, afastando-se cada vez mais das pessoas que o conhecem de verdade, como o filho Gabriel (Cauã Martins), a mãe e ex-atriz Marta Mendes (Ana Lucia Torre) e Lúcia (Leandra Leal), sua produtora e interesse amoroso.

“Ele tem essa questão de ser reconhecido pelo talento, de tentar entender a fama, o quanto que ele dá valor àquilo, de perder o significado do ator e ficar muito preso à imagem dele”, resume Brichta. “Através do palhaço, ele consegue realizar um pouco isso”.

“A produção trata de vários assuntos e um deles é a busca pelo reconhecimento, pela celebridade”, analisa o diretor Daniel Rezende, montador pela primeira vez no comando de um longa-metragem. “Essa busca incessante pelo holofote, por encontrar seu espaço como artista embaixo da luz, é um tema muito atual”. O roteirista Luiz Bolognesi concorda: “Quem é celebridade está lutando para se manter, ser sempre visto. E quem não é muitas vezes sonha em ser”.

A vida de Barreto prometia uma trama de muitas camadas desde seu embrião, como mostrava a reportagem “O Palhaço de Deus”, publicada pela revista Piauí em dezembro de 2007. Nela, a jornalista Raquel Freire Zangrandi acompanha o pastor evangélico em seus cultos pelo país, enquanto o questiona sobre o passado como uma das figuras mais populares da telinha

O primeiro a enxergar o potencial da história para o cinema foi o produtor Dan Klabin, da Empyrean Pictures, parceira da Warner Bros. Pictures e da Gullane no projeto. Foi ele que indicou o texto para o então montador Daniel Rezende, que já preparava sua estreia na direção com o curta-metragem Blackout (2008). “Assim que li a matéria, comecei a procurar sobre a vida dele, um cara que realmente viveu muitas vidas numa só”, conta Rezende, que envolveu o roteirista Luiz Bolognesi no trabalho e a trama começou a ganhar forma.

Na época, o filme se chamava “Vida de Palhaço” e o personagem, Bongo. “Foi um processo muito longo, que durou quase cinco anos da confecção do roteiro”, revela Bolognesi. “A gente começou filmando o décimo tratamento”.

Dirigido por Daniel Rezende, indicado ao Oscar por “Cidade de Deus” e premiado montador de “Tropa de Elite 2” e “Diários de Motocicleta”, com roteiro de Luiz Bolognesi (“Bicho de Sete Cabeças”, “Uma História de Amor e Fúria” e “As Melhores Coisas do Mundo”) e com fotografia de Lula Carvalho (“As Tartarugas Ninja”, “Robocop”), Bingo – O Rei das Manhãs é uma viagem nostálgica e divertida – repleta de ironia e humor ácido – à cultura pop da televisão brasileira dos anos 80.

Alem de Vladimir Brichta completam o elenco  Leandra Leal, Emanuelle Araújo, Ana Lucia Torre, Tainá Müller, Augusto Madeira e com a participação de Domingos Montagner e Pedro Bial.

O filme tem produção de Caio Gullane e Fabiano Gullane da Gullane em associação com Dan Kablin da Empyrean e é coproduzido e será distribuído pela Warner Bros. Pictures.

 

CN Institucional

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora