“Outubro Rosa” começou azul e branco na zona norte de São Paulo, no domingo pela manhã (01/10/2017). A 56ª edição de Corrida e Caminhada Contra o Câncer de Mama deixou cheias (de saúde) ruas de Santana, na Zona Norte/Nordeste,  e o Parque de Material Aeronáutico, o Pama-SP, no aeroporto Campo de Marte. As cores eram as da famosa campanha “O Câncer de Mama no Alvo da Moda”.

O Instituto Brasileiro de Controle do Câncer  (IBCC) detém a licença da marca no Brasil. Desde o ano de 1999 utiliza a prova como forma de propagação da importância do diagnóstico precoce, o qual aumenta as chances de cura, e de arrecadação de fundos – a receita líquida é revertida para o IBCC.

Ambiente agradável ===  “O evento é importante para reforçar o quão relevante é essa doença”, disse Walter Galvão Moura Pereira, gerente médico do instituto. “O câncer de mama é a principal patologia desse tipo que acomete as mulheres no Brasil.”

Apesar da seriedade com que o assunto deve ser tratado, isso não significou uma Corrida Contra o Câncer de Mama tensa e pesada. Muito pelo contrário. O ambiente era bastante agradável e leve, e o sol “deu as caras” após uma noite chuvosa.


Você em ação na corrida: encontre e baixe sua foto == Acesse a página www.esportividade.com.br  na 2ª feira (02/09/2017)  para ver suas fotos como participante da Corrida Contra o Câncer de Mama.


Conscientização ===  “Estar bem consigo mesma vai deixar você mais forte, com mais vontade de enfrentar o tratamento”, afirmou o médico. “A prática de atividades físicas libera uma série de substâncias que são benéficas ao corpo.”

Para quem superou a doença, a corrida representa uma celebração de uma etapa vencida. “Elas estarem aqui, podendo participar da prova, é muito gratificante, tanto para elas como para quem acompanhou o tratamento”, afirmou Walter.

Prova só em Santana === Mulheres e homens participaram de corridas de 10 km e 5 km, saindo para a rua e percorrendo vias internas do Campo de Marte, e de caminhada de 3,5 km – somente nas dependências do Pama-SP.

São Paulo foi a única cidade que em 2017 recebeu a prova do IBCC, que até 2016 costumava acontecer também em outras regiões do Brasil. O evento passou por uma reestruturação; até a empresa organizadora foi diferente em 2017: foi a nova Life Marketing Esportivo.

Planos para 2018 === Embora o IBCC tenha considerado superpositivo o evento no Campo de Marte, diz que mais pessoas gostariam de participar dele em São Paulo. A região, porém, não permite isso, pois não é possível interditar ambos os sentidos da avenida Braz Leme, por exemplo. Um retorno às imediações do parque do Ibirapuera não é descartado.

O evento já tem data para acontecer em 2018: 30 de setembro, domingo. Não poderá ser realizado em outubro por causa das eleições. << Reportagem de Andrei Spinassé, editor do site www.esportividade.com.br >>

CN Institucional

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora