Desde 2004,  por iniciativa do governo federal, o Programa Farmácia Popular do Brasil cumpre uma das principais diretrizes da Política Nacional de Assistência Farmacêutica.

A Farmácia Popular é um programa visando ampliar o acesso da população a medicamentos de doenças crônicas que são mais comuns.O Governo criou esse programa, pois existem medicamentos que são considerados essenciais a população, que são aqueles medicamentos de doenças como Hipertensão, Diabetes, ou seja, medicamentos que sempre serão necessários na vida de um indivíduo que possua essas doenças ou outras.

DESCONTOS ATÉ 90 POR CENTO == As unidades próprias contam com um elenco de 112 itens, entre medicamentos e o preservativo masculino, os quais são dispensados pelo seu valor de custo, representando uma redução de até 90% do valor de mercado.

A condição para a aquisição dos medicamentos disponíveis nas unidades, neste caso, é a apresentação de documento com foto, no qual conste seu CPF, juntamente com uma receita médica ou odontológica. Importante ressaltar que somente a Rede Própria aceita receitas prescritas por dentistas.

FARMÁCIAS AJUDAM == Em março de  2006, o Ministério da Saúde expandiu o Programa Farmácia Popular do Brasil, aproveitando a rede instalada do comércio varejista de produtos farmacêuticos, bem como a cadeia do medicamento.

Esta expansão foi denominada “Aqui Tem Farmácia Popular” e funciona mediante o credenciamento da rede privada de farmácias e drogarias comerciais, com o intuito de levar o benefício da aquisição de medicamentos essenciais a baixo custo a mais lugares e mais pessoas, aproveitando a dinâmica da cadeia farmacêutica (produção x distribuição x varejo), por meio da parceria entre o governo federal e o setor privado varejista farmacêutico.

MAIS REMÉDIOS == Posteriormente, o elenco de medicamentos do “Aqui Tem Farmácia Popular” foi ampliado, sendo incluídos os contraceptivos. Um conjunto de medidas de combate à Gripe A (H1N1) foi adotado pelo Ministério da Saúde, entre eles, a inclusão do Fosfato de Oseltamivir no elenco do Programa.

Aos poucos, o governo foi agregando outros medicamentos em novos tratamentos, como os indicados para o diabetes, bem como o atendimento da dislipidemia, com a incorporação da Sinvastatina. Depois, os tratamentos da hipertensão e passou a atender novas doenças, tendo sido incluídos medicamentos para o tratamento da osteoporose, rinite, asma, Parkinson e glaucoma. A incontinência urinária para idosos passou a ser atendida com a inclusão das fraldas geriátricas.

HIPERTENSÃO E DIABETES == Mais adiante, o  Programa passou a disponibilizar os medicamentos indicados para o tratamento da hipertensão e do diabetes sem custos para os usuários. Esta campanha foi denominada “Saúde Não Tem Preço” (SNTP).

O Ministério da Saúde também passou a disponibilizar para a população, por meio do SNTP, três medicamentos para o tratamento da asma, disponíveis em oito apresentações de forma totalmente gratuita. Os medicamentos disponíveis para asma são: Brometo de Ipratrópio, Diproprionato de Beclometasona e Sulfato de Salbutamol. Nas unidades da Rede Própria, está disponível somente o medicamento Sulfato de Salbutamol em três apresentações.

ATÉ FRALDA GERIÁTRICA == Além dos medicamentos gratuitos para hipertensão, diabetes e asma, o Programa oferece mais 11 itens, entre medicamentos e a fralda geriátrica, com preços até 90% mais baratos utilizados no tratamento de dislipidemia, rinite, mal de Parkinson, osteoporose e glaucoma, além de contraceptivos e fraldas geriátricas para incontinência urinária.

O “Aqui Tem Farmácia Popular” visa a atingir aquela parcela da população que não busca assistência no SUS, mas tem dificuldade para manter tratamento medicamentoso devido ao alto preço dos medicamentos.

Serviço

Horário de funcionamento das Farmácias Populares:

De 2ª a 6ª feira – das 8 às 18 horas; aos sábados, das 8 às 12 horas.

Informações (ligações sem custo): 0800-61-1997 – site: www.saude.gov.br

Endereços na Zona Norte:

Santana/Tucuruvi

Rua Força Pública, n. 64 – Metrô Carandirú – Santana                                                     Telefones: (11) 2221.1780 – (11) 2221.5763

 Vila Maria/Vila Guilherme

Av. Guilherme Cotching nº 1061 Vila Maria                                                             Telefones: (11)2636-1626 – (11)2631-5102

 Imirim

Av. Eng. Caetano Álvares, 3330 – Imirim –   Telefone: (11) 2238-6298

Freguesia do Ó

Rua Javoraú, n. 70  – Freguesia do Ó – Telefones: (11) 39354263 – (11) 39365671

Vila Penteado (1)

Av. Min. Petrônio Portela, 440 – Moinho Velho –   (11) 3947-6838

Vila Penteado (2)

Av. Min. Petrônio Portela, 1677 – Freguesia do Ó – Telefone:   (11) 3992-3502

Pirituba

Av. Mutinga, n. 652  – Telefones: (11) 39045209 – (11) 39049608

Centro / Sé

Av. São João nº 35 Loja 11 – Centro – Telefones: (11) 3104-3955 –  (11) 3105-8797

 

aniversario bergamini

1 COMENTÁRIO

  1. Essa é uma ótima iniciativa! Com os medicamentos cada vez mais caros, precisamos de algo assim para conter a inflação. Ultimamente eu tenho recorrido ao cadastro em laboratórios e farmácias. Um dos que eu mais uso é o plano de fidelidade da Pfizer e eu recomendo muito. Vou deixar o link aqui para quem tiver interesse http://www.maispfizer.com.br

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here