Todas as semanas  o  DiárioZonaNorte  reproduz as previsões astrológicas do site Augúrio,  da incrível astróloga Nathalia Fernandes.     A  palavra Augúrio, do latim augurium  significa “presságio, anúncio, indício de algo futuro”.

Nathalia Fernandes preparou uma leitura para os próximos 12 meses, quando Júpiter (o planeta da justiça) passa pelo signo de Escorpião.  O que isso afeta na vidinha tão confusa do  virginiano Brasil?  Tá valendo o lema da nossa bandeira “Ordem e Progresso?”

Com vocês, as previsões do Augúrio:

Parece que a passagem de Júpiter por Escorpião, que começa hoje, vai escancarar legal o que só quem tinha “olhos de ver” (como já dizia o cara de há dois mil anos) estava vendo.

Bom, algumas coisas, como a corrupção que corrói as instituições brasileiras, não estão assim tão escondidas (até porque Plutão em Capricórnio vem descascando o poder estabelecido sem dó nem piedade). Mas parece que tem ainda MAIS pra descobrir. E o foco parece que é aí nessa área institucional mesmo.

Júpiter é um planeta ligado à lei e aos juízes. Aqui no Brasil, pelo menos, me parece que o Judiciário vai ter muuito o que mostrar, algo que já adiantei naquelas previsões para o país até setembro de 2018 (veja aqui).   . Estudos e pesquisas ligados à descoberta de coisas escondidas (tipo arqueologia, filologia, psicanálise e medicina forense) acho que vão bombar e trazer umas novidades bem lokas.

As relações internacionais, outro assunto de Júpiter, podem ter que passar por uma grande reviravolta, um novo jeito de lidar com as tretas entre países. E é capaz que a gente fique sabendo de uns babados fortes que só a internet e os hackers podem proporcionar. Penso aqui que países potencialmente afetados seriam EUA, França, Argentina, Chile e o próprio Brasil (pelo menos dos que eu sei o mapa de cabeça).

Ao longo dos 12 meses do seu passeio por Escorpião, Júpiter vai trocar ideia com uns camaradas aí que nos interessam. De um já falamos, Plutão, que tem a ver com o que discutimos nos dois primeiros parágrafos – e a conversa entre os dois vai pegar mais forte em janeiro de 2018.

Saturno vai dar um apoio pra Plutão a partir do final de 2017, mas não vai tretar diretamente com Júpiter; porém, pode reforçar o lance de reorganizar as estruturas políticas espremendo pra valer a espinha e fazendo sair pus pra todo lado, justamente pra ver se aquela nova ordem que precisa se instalar no planeta se firma de vez.

Ainda no final de 2017, Marte, um planeta que ama o signo de Escorpião, estará por ali e colará em Júpiter. É tipo quando a máquina de lavar começa a centrifugar forte pra tirar toda a água possível: revelações não faltarão, e transformações muito menos.

Júpiter vai conversar mais diretamente com Netuno em Peixes por duas vezes: uma em dezembro de 2017 e outra em agosto de 2018. E aí, amiguinhos, preparai-vos porque o astral tá preparando uma espécie de despertar forte de quem ainda tá meio dormindo pras verdades espirituais.

Os fundamentalistas religiosos, que tão subindo no salto graças a Saturno em Sagitário, podem ficar meio atrapalhados, principalmente se as pessoas ditas “comuns” começarem a se abrir pra coisas como amor universal, realidades alternativas, o invisível que afeta nossas vidas. Boa chance de finalmente alcançarmos aquela massa crítica de pessoas dispostas a olhar as coisas por outros ângulos – mas isso pode depender do quanto os que já têm esse olhar vão se unir pra fazer isso acontecer.

Quíron em Peixes também tá na agenda de contatos de Júpiter: os dois podem aparecer com uma cura súbita pra dores que já nos afligem há tempos. Acho que isso vai acontecer no nível psicológico ou espiritual. Evidentemente, essa cura estará disponível pra todo mundo que estiver a fim, o que pode implicar em se trabalhar psicologicamente com força, ou se envolver espiritualmente com algo. E aí, você está a fim?

No dia 13 de julho de 2018, vai rolar um eclipse do Sol em Câncer que também troca uma ideia com Júpiter. E o dito eclipse vai acelerar de alguma forma tudo isso que falamos aí. Não será uma boa época pra ter dinheiro escondido no apê e nem em lugar nenhum, se for dinheiro ilegal… Pra não falar de outras possibilidades de coisas escondidas vindo à tona.
Júpiter, graças a Deus, não vai bater de frente com Urano na breve passagem que este fará por Touro em 2018. Já bastou a briga dos dois no eixo Áries-Libra. Ninguém merece.

Mas podem rolar questões incidentais, não fortonas, sobre gestão de recursos e desprendimento de bens materiais (sei lá, melhor divisão de grana no social ou algo assim, o que Urano vai movimentar com mais força quando entrar de vez em Touro, a partir de 2019).

É isso! Já falei do impacto do Júpiter escorpiano nos 12 signos, considerando signos do Sol/ascendente, nas previsões mensais pra agosto. Procura os vídeos aqui na fanpage ou corre no nosso canal pra conferir!

 

Sobre Nathalia Fernandes ==   Doutora  e mestre em Filologia e Língua Portuguesa pela USP;  graduada em Direito e Letras pela USP;  pós-graduada em Psicologia Transpessoal pela Alubrat-Campinas; advogada; astróloga; taróloga; terapeuta prânica. Nathalia Fernandes nasceu na Zona Norte de São Paulo.
.

aniversario bergamini

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here