A Vila mais charmosa do Brasil completou 100 anos. Para comemorar a data, a Distrital Nordeste da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) e a Paróquia Nossa Senhora da Candelária, com apoio da Prefeitura Regional de Vila Maria/Vila Guilherme/Vila Medeiros, realizaram uma sessão solene onde foram homenageadas entidades, empresas e personalidades  que se destacaram no desenvolvimento do bairro.

A cerimônia aconteceu no Salão Paroquial da Igreja Nossa Senhora da Candelária, onde cerca de 150 pessoas convidadas pelo cerimonial da Distrital Nordeste da ACSP compareceram.  A apresentação musical ficou a cargo do  Coral Oficina de Arte e Cultura, com seus 30 integrantes, sob a regência do Maestro Roberto Mendes Barbosa.

Formação de Palco === A organização do evento ficou aos cuidados de Sônia Cabral, que é a coordenadora administrativa  da Distrital Nordeste, e o  mestre de cerimônia foi o Diretor 1º Secretário José Maria da Rocha Filho.   Para a formação de palco foram convidados Michel Wiazowski Rocha (superintendente da Distrital Nordeste da ACSP),  João de Favari (vice-presidente coordenador Regional Norte das sedes distritais da ACSP), que representou o presidente Alencar Burti.  O padre Elói José Schons (pároco da  Paróquia Nossa Senhora da Candelária),  Dário José Barreto (prefeito regional de Vila Maria/Vila Guilherme/Vila Medeiros),  Capitão PM José Milton  de Paula Júnior (Comandante da 2ª Cia do 5º Batalhão da Polícia Militar do Estado de São Paulo),  Adriana Ramalho (vereadora PSDB),  Rodrigo Gomes (vereador PHS), Ramalho da Construção (deputado estadual PSDB).

Empreendedorismo no DNA da Vila Maria === O primeiro a falar foi o  superintendente da ACSP – Distrital Nordeste, Michel Wiazowski Rocha.  Ele  iniciou sua fala, no melhor estilo Jânio Quadros – que completaria 100 anos no próximo dia 25 de janeiro): “Boa noite povo da Vila Maria  Alta, povo da Vila Maria Baixa e porque não, da Vila Maria do Meio)”, arrancando risadas da platéia. Em sua fala,  afirmou que o desenvolvimento de uma região está diretamente ligado ao empreendedorismo.

Michel lembrou que a Vila Maria foi criada porque “um grupo de pessoas resolveu empreender, por meio da Companhia Paulista de Terrenos,  loteando uma chácara e vendendo a área.  Muitos dos terrenos  foram vendidos em Portugal, onde os empreendedores buscar compradores. Para incentivar a venda, davam como brinde tijolos e telhas”. Ele lembrou que os empreendedores foram tão importantes que nomeiam  duas ruas do bairro:   Alberto Byington e Guilherme Cotching.

Também fizeram uso da palavra o coordenador João de Fávari, Padre Elói, os vereadores Adriana Ramalho e Rodrigo Gomes, o deputado Ramalho da Construção.

Pensando 24 horas por dia na região === O prefeito regional Dário José Barreto falou de  sua trajetória no bairro da Vila Maria e o grande desafio de ser um agente da mudança por meio de seu trabalho na Prefeitura Regional de Vila Maria/Vila Guilherme/Vila Medeiros, na  da região onde cresceu e viveu sua vida toda e emocionado, olhando para a esposa Raquel e os  filhos afirmou  “está sendo sacrificante para minha família, acordo muito cedo e durmo muito tarde, quase não vejo as crianças. Penso  nos problemas de nossa região 24 horas por dia”.  Continuou dizendo “foi uma grata surpresa receber o convite para administrar a região, exatamente no Centenário da Vila Maria”.

Nasce Maria Alice === O primeiro momento emocionante da noite  foi a homenagem aos policiais  cabo Wellington de Oliveira Silva, soldado Maurício Dechiare,  soldado Cleber Anderson Carvalho Ferreira e soldado Lincoln Aparecido Azevedo,  da 2ª Companhia do 5º Batalhão da Polícia Militar, responsáveis pelo parto da pequena Maria Alice no dia 29 de dezembro de 2016, que compareceu ao palco juntamente com a mamãe Flávia e o papai Beto Freire.

Os Homenageados === Na sequência, foram chamados ao palco 32  homenageados, que receberam um certificado envolto em capa azul, como reconhecimento pela atuação na região, conforme segue:

Entidades:  Sport Lisboa e  Benfica de Vila Maria, Fundação Lar de São Bento/Casa Dom Macário,  Conselho Comunitário de Segurança – CONSEG VILA MARIA , Coral Oficina de Arte e Cultura , Lons Clube São Paulo Vila Maria  – Distrito LC2,  Loja  Maçonica Marquês de Pombal , Núcleo de Desenvolvimento Artístico e Cultural/NUDAC,  Rotary Club de São Paulo Nordeste Vila Maria, Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas/SEBRAE,       2º  Batalhão da 5ª cia a Polícia Militar do Estado de São Paulo ,   Sociedade Esportiva e Recreativa Vila Maria  e Grêmio  Recreativo Cultural Social Escola de Samba Unidos de Vila Maria

Empresas:   Doceira Arlecchino, F-40 Gold Serviços Automotivos ,  NC Comércio de Equipamentos Contra Incêndio/EXTINCHAMAS, Renascer Carnes & Cia,  Ótica Santa Inês    e Porto Seguro Seguros

Personalidades:  Professora Doutora Alessandra Navarini, Padre Eloi José Schons,    Dr.     Fábio Mourão Antonio, Nelson Marques,  Dr. Roberto Carvalho da Motta e Dr. Waldir Mazzei de Carvalho.

Imprensa:  Gazeta daa Zona Norte – jornalista Camila Alvarenga, Jornal Brasil Raiz – jornalista Alarico Resende, DiárioZonaNorte – jornalista Mauricio Benassatto, Gazeta  Regional – jornalista Carlos Alberto de Faria, Jornal SP de Fato – jornalista Brás Pereira,       Jornal SP Norte – jornalista Samir Mohamed Tradi, Portal Zn na Linha – jornalista Eduardo Britto e Jornal ZN Mais Notícias – jornalista Marcos Roberto Seijo

Homenagem póstuma – O diretor-superintendente da Distrital Nordeste da ACSP, Michel Wiazowski Rocha, assume a palavra: “Queremos homenagear agora, um homem que foi muito importante no desenvolvimento da Vila Maria. O empresário Osmar Temperani.  Nascido na cidade mineira de Curvelo, veio morar na Vila Maria,  trabalhou no circo da família onde se apresentava no Globo da Morte.  Aqui  casou-se  com Dona Rosa e teve três filhos – Marcus, Marcius e Débora.  Osmar trabalhou muito e, com suas economias, conseguiu comprar um caminhão para fazer carretos. E nunca desistiu  e, como bom empreendedor, chegou em novas etapas.  Em 1969 resolveu montar uma pequena lanchonete na Vila Maria. Surgiu a  Dizzy, que se tornou uma das melhores hamburguerias da cidade de São Paulo.

No ano de  1992, abriu o restaurante “O Compadre”, com apenas 50 lugares, que se transformou em um sucesso imediato. Foram seis anos nas esquinas das ruas Dr. Edson de Melo com a Araritaguaba,  ao lado do escritório do piloto Ayrton Senna, que virou freguês ilustre e assíduo.  Cresceu tanto que foi  obrigado a buscar um espaço maior, e mudou-se para o Shopping Lar Center, com 400 lugares.  Continuou um sucesso, recebeu vários prêmios e conquistou uma legião de fãs.   Osmar nos deixou em junho de 2004, aos  61 anos de idade. Permaneceu o legado”

Para receber a homenagem, o empresário Marcus Vinícius Temperani.

Parabéns e bolo ===   A Cadência da Vila, a bateria da Unidos da Vila Maria puxou o coro de parabéns, enquanto o superintendente Michel Wiazowski e o prefeito regional Dário José Barreto cortavam um bolo que reproduzia a fachada da igreja Nossa Senhora da Candelária, que neste ano completará 84 anos.

O bolo foi preparado pelo Ateliê  Dona Formiga ( http://www.ateliedonaformiga.com.br), que escolheu um  clássico da doçaria portuguesa:  um delicado pão de ló recheado com doce de leite e ameixas.  Tradicionalmente delicioso, como a centenária  aniversariante.

O Centenário de Vila Maria foi uma iniciativa da Distrital Nordeste da Associação Comercial de São Paulo,   Paróquia Nossa Senhora  da Candelária com apoio da Prefeitura Regional de Vila Maria/Vila Guilherme/Vila Medeiros,  Companhia de Engenharia de Trânsito (CET), a Polícia Militar do Estado de São Paulo, a Guarda Civil Metropolitana, a Porto Seguro Seguros –  Sucursal Vila Maria e ao DiárioZonaNorte.

Veja a galeria completa de fotos do evento, em nossa fanpage https://www.facebook.com/diariozonanorte/

aniversario bergamini

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here