Mais um ano, todos os olhos do mundo cinematográfico estarão voltados para a premiação do Oscar. E os principais lançamentos do ano passado, até agora, estarão concorrendo a várias categorias, com transmissão pela televisão para vários países — Tv Globo, domingo (04/03/2018), após Fantástico/BigBrother. Abaixo, uma rápida seleção dos filmes concorrentes  e o histórico do Oscar.

Veja abaixo, os filmes que tiveram destaque de nosso crítico de Artes & Espetáculos, Aguinaldo Gabarrão (*), nas páginas do DiárioZonaNorte.  (Re) leia as críticas destes filmes que concorrem à premiação:

“Com Amor, Van Gogh” (link:  https://bit.ly/2I0RpZh– 15/12/2017),

Star Wars – Os Últimos Jedi” (link: https://bit.ly/2oFnTAd – 26/01/2017)

“Todo o Dinheiro do Mundo” (link: https://bit.ly/2FmL1x3  – 09/02/2018)

“A forma da Água” (link:  https://bit.ly/2F6AKkX     – 24/02/2018 )

“Trama Fantasma” (link:  https://bit.ly/2oGRbOI   – 03/03/2018).


As principais indicações e categorias que concorrem ao Oscar-2018:

Filme Me Chame Pelo Seu Nome / O Destino de uma Nação / Dunkirk / Corra! / Lady Bird / Trama Fantasma / The Post: A Guerra Secreta /  A Forma da Água / Três Anúncios para um Crime

DireçãoChristopher Nolan por Dunkirk / Jordan Peele por Corra! / Greta Gerwig por Lady Bird: A Hora de Voar / Paul Thomas Anderson por Trama

AtorTimothée Chalamet por Me Chame Pelo Seu Nome / Daniel Day-Lewis por Trama Fantasma / Daniel Kaluuya por Corra! / Gary Oldman por O Destino de uma Nação / Denzel Washington por Roman J. Israel, Esq.

AtrizSally Hawkins por A Forma da Água / Frances McDormand por Três Anúncios para um Crime / Margot Robbie por Eu, Tonya / Saoirse Ronan por Lady Bird: A Hora de Voar / Meryl Streep por The Post: A Guerra Secreta

Ator CoadjuvanteWillem Dafoe por Projeto Flórida / Woody Harrelson por Três Anúncios para um Crime / Richard Jenkins por A Forma da Água / Christopher Plummer por Todo Dinheiro do Mundo / Sam Rockwell por Três Anúncios para um Crime

Atriz CoadjuvanteMary J. Blige por Mudbound – Lágrimas sobre o Mississippi / Allison Janney por Eu, Tonya / Lesley Manville por Trama Fantasma / Laurie Metcalf por Lady Bird: A Hora de Voar / Octavia Spencer por A Forma da Água

Roteiro OriginalDoentes de Amor / Corra! / Lady Bird: A Hora de Voar / A Forma da Água Três Anúncios para um Crime

Roteiro AdaptadoMe Chame Pelo Seu Nome / Artista do Desastre / Logan / A Grande Jogada / Mudbound – Lágrimas sobre o Mississippi / Me Chame Pelo Seu Nome

Filme EstrangeiroUma Mulher Fantástica (Chile) / O Insulto (Líbano) / Desamor (Rússia) / Corpo e Alma (Hungria) / The Square – A Arte da Discórdia (Suécia)

Longa de AnimaçãoO Poderoso Chefinho / The Breadwinner / Viva! – A Vida é uma Festa / O Touro Ferdinando (do produtor brasileiro Carlos Santana) / Com Amor, Van Gogh

FotografiaBlade Runner 2049 / O Destino de uma Nação / Dunkirk / Mudbound – Lágrimas sobre o Mississippi / A Forma da Água

Efeitos VisuaisBlade Runner 2049 / Guardiões da Galáxia Vol. 2 / Kong: Ilha da Caveira / Star Wars: Os Últimos Jedi / Planeta dos Macacos: A Guerra

FigurinoA Bela e a Fera / O Destino de uma Nação / Trama Fantasma / A Forma da Água / Victoria e Abdul: O Confidente da Rainha/ Trama Fantasma. Fonte da imagem: 

Edição de SomEm Ritmo de Fuga / Blade Runner 2049 / Dunkirk / A Forma da Água Star Wars: Os Últimos Jedi / Blade Runner 2049

Trilha Sonora OriginalDunkirk / Trama Fantasma / A Forma da Água / Star Wars: Os Últimos Jedi / Três Anúncios para um Crime / Star Wars: Os Últimos Jedi. Fonte da 

Canção Original“Mighty River” de Mudbound – Lágrimas sobre o Mississippi / “The Mystery of Love” de Me Chame Pelo Seu Nome / “Remember Me” de Viva! – A Vida é uma Festa / “Stand Up for Something” de Marshall / “This Is Me” de O Rei do Show


 

UMA HISTÓRIA CHEIA DE “ESTÓRIAS” EM 90 ANOS ===  Nas páginas do Wikipédia, um pouco da história do Oscar: Oficialmente chamado de Prêmios da Academia (em inglês, The Academy Awards ou The Oscars, é o maior e mais prestigioso prêmio do cinema mundial, entregue anualmente pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, fundada em Los Angeles, Califórnia, em 11 de maio de 1927.

São entregues pela Academia, em reconhecimento à excelência de profissionais da indústria cinematográfica. A cerimônia formal na qual os prêmios são entregues, é uma das mais midiáticas do mundo. É também a mais antiga cerimônia de premiação na mídia e muitas outras, como o EmmyTony e Grammy, foram inspiradas no Oscar. A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas foi concebida por Louis B. Mayer, um dos fundadores da Metro-Goldwyn-Mayer.

1.ª Entrega dos Prêmios da Academia aconteceu em 16 de maio de 1929, no Hotel Roosevelt em Hollywood, para honrar as realizações cinematográficas mais proeminentes de 1927 e 1928. A cerimônia foi apresentada pelo ator Douglas Fairbanks e pelo diretor William C. deMille.

A primeira cerimônia televisionada foi em 1953 somente nos Estados Unidos e no Canadá. Em 1966, aconteceu a primeira exibição a cores. Desde 1969, a cerimônia é exibida em âmbito internacional. Em 1970, Brasil e México foram os primeiros países, além dos Estados Unidos e do Canadá, a televisionarem o evento ao vivo, via satélite. Atualmente, os prêmios da Academia são transmitidos em direto pela televisão para mais de 200 países, se tornando assim um dos maiores eventos televisivos do mundo.

Segundo a Enciclopédia Novo Mundo, estima-se que mais de um bilhão de pessoas assistem ao Oscar ao vivo ou gravadas a cada ano, equiparando a cerimônia a audiências de eventos televisivos mundiais importantes como a Copa do Mundo FIFA e os Jogos Olímpicos. A cerimônia de 1998 mantém o recorde da maior audiência da história dos Prêmios da Academia, onde foi registrado que 57,25 milhões de pessoas assistiram à transmissão somente nos Estados Unidos.

No Brasil, a primeira transmissão do evento ocorreu em 1970, quando a TV Tupi exibiu, ao vivo e via satélite, para várias porções do país (através da Rede de Emissoras Associadas), a cerimônia. Atualmente, a cerimônia de premiação é transmitida em direto pela Rede Globo e pelo canal de televisão por assinatura TNTe em Portugal pela SIC e SIC Caras.

A ESTATUETA === O Oscar em si é uma pequena estatueta de 35 cm de altura pesando quase quatro quilogramas, feita de estanho folheado a ouro de catorze quilates, em forma de um cavaleiro sobre um pedestal no formato de um rolo de filme, com uma espada de cruzado atravessada verticalmente ao peito. Seu valor real é cerca de 500 dólares, mas seu valor simbólico é incomensurável, pelo prestígio profissional e popular que concede ao premiado e pelo faturamento que pode dar a um filme.

Concebida em 1929 pelo diretor de arte Cedric Gibbons e pelo escultor George Stanley, não sofreu mudanças significativas até hoje, nos mais de 80 anos em que já foi entregue. Apenas durante a Segunda Guerra Mundial foi confeccionada em gesso pintado com tinta dourada, devido ao esforço de guerra americano na época, que procurava racionar todos os tipos de metal. Após o conflito, os agraciados com estes Oscars tiveram seus prêmios trocados pela estatueta original.

A versão mais popular e conhecida para o nome dado ao careca dourado, é a que concede a autoria dele à secretária-executiva da Academia, Margareth Herrick, que ao vê-lo comentou que a pequena estátua parecia muito com seu tio Oscar, comparação ouvida por um jornalista presente no momento, que a publicou em seu jornal. Outra versão dá conta que a atriz Bette Davis o teria apelidado assim, dado a semelhança da estatueta com seu primeiro marido. De qualquer modo o apelido pegou de tal maneira que hoje — e há muitos anos — é o nome pelo qual o Prêmio da Academia é conhecido mundialmente. << Com apoio de informações/fonte: Wikipédia, a enciclopédia livre – Mais dados: https://wikipedia.org/wiki/oscar >>

Curiosidade – Por que o nome Oscar? == Segundo o site da revista Mundo Estranho, da Editora Abril (https://mundoestranho.abril.com.br), existem  três versões de como — após ter sido criado em 1929 pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood — a honraria ganhou esse apelido no começo da década de 30. Segundo a mais popular delas, a fonte teria sido um comentário espontâneo de uma secretária executiva da Academia, chamada Margaret Herrick, que, ao ver a estatueta, teria exclamado: “Parece meu tio Oscar!” Um porém: os historiadores que tentaram checar a veracidade dessa lenda descobriram que Herrick não tinha um tio e, sim, um primo com esse nome. Outros atribuem o batismo ao colunista Sidney Skolsky, o primeiro a usar o termo na imprensa, em 1934. Como se não bastasse, a atriz Bette Davis reivindicou para si a autoria do cognome, ao dizer que, visto de trás, o troféu lembrava seu marido, o trompetista Harmon Oscar Nelson. A Academia só passou a usar oficialmente o apelido a partir de 1939.


(*) Aguinaldo Gabarrão, ator e dramaturgo. Iniciou em 1989 sua trajetória profissional no teatro com o espetáculo “Halloween, o dia das bruxas”, do dramaturgo Nery Gomide. Trabalhou com diretores de diferentes estilos e gerações: Jayme Compri, Hamilton Saraiva, Eugênia Thereza de Andrade, Fabio Caniatto e Antônio Abujamra entre outros. Atua também no segmento corporativo por meio de cursos, treinamentos e palestras com as técnicas do teatro.

Organicos

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora