Nem só de bacalhau e sanduíches de mortadela vive o Mercadão.  O mais novo projeto do  empreendedor Rodrigo Bolton e sua mulher, a chef Lu Ferreira, que uma década atrás inovaram no mesmo local vendendo biojoias com a marca  Ateliê Especiarias, tem como estrela o  corte de carne mais amado dos paulistas: a picanha.

Picanharia Mercadão nasce no estilo comfort food, com proposta de se diferenciar das opções de alimentação tradicionais de forma criativa e elegante, com comida e bebida irrepreensíveis e ambiente da década de 30, quando surgiu o Mercado Cantareira. O lugar ideal para celebrar o dia. Bebidas, entradas, pratos e sobremesas com sabores únicos de autoria própria que proporcionam uma experiência inesquecível na alta gastronomia.

De volta aos anos 30 == Sua decoração é diferenciada. O piso hidráulico de época, o gramofone, a caixa registradora de 1889 e as próprias vestimentas remetem os clientes à década de 30, época em que foi fundado o Mercado Municipal Paulistano (“Mercadão”), e ao período de imigrações portuguesas, italianas e espanholas que se instalaram principalmente no bairro do Brás. Aliás, estes foram os primeiros comerciantes que introduziram grande parte dos produtos vendidos no Mercadão e, com eles, suas receitas que fizeram da cidade de São Paulo um dos grandes centros gastronômicos do mundo.

Inspirado nessa década o Picanharia Mercadão serve seus pratos e bebidas aos embalos de um autêntico jazz – gênero musical muito difundido e ouvido na época por estes europeus – em vinil e no gramofone! Uma experiência única que mescla sons, aromas e sabores.

A picanha é importada, americana, de gado angus, nobre iguaria. Assada no ponto de preferência de cada cliente, ela resgata o churrasco feito pelas famílias imigrantes nas calçadas do Brás, bairro do centro de São Paulo. Assim como nos dias atuais, o churrasco era o momento de celebração e de confraternização de familiares e de amigos.

A estrela  == Receita dos imigrantes, como o Carpaccio italiano, tem a sua versão no Picanharia Mercadão com picanha. Algumas também foram “abrasileiradas” como a Picanha Paulistana, a mais desejada fatia de picanha em todas as churrascarias do Brasil. Para os apaixonados por sanduíches o Picanharia Mercadão oferece o Pastrami de Picanha, autêntico sabor nova iorquino mas com a iguaria curada e condimentada em sua forma original; outra opção em lanches estão o Sanduiche de Picanha – feito com generosas fatias de picanha com a arte em seus cortes e cheio de sabores.

Os pratos de entrada são especiais:

  • Queijos italianos como parmesão e a burrata, um queijo com sabor suave e muito cremoso por dentro feito com sua forma tradicional: leite de búfala;
  • Jamón Serrano um presunto espanhol feito com a carne de porco diferenciada, de sabor único adocicado e de textura macia. Processo ímpar e, em especial, a alimentação dos porcos feitas de castanhas de árvores da região hispânica e do solo plano;
  • Batatas ao “murro” uma receita tradicional portuguesa acompanhada de um molho especial de azeite e especiarias.
  • Para quem não abre mão de uma boa salada, a Santa Tereza (nome da padroeira da Espanha) é servida com folhas frescas de rúcula, jamón serrano e mirtilo; já a salada com nome da padroeira da Itália, Santa Catarina, também acompanha folhas frescas de rúcula, mas nela também tem queijo parmesão e saborosos tomates italianos.

Caipirinhas == As especiarias como cardamono, zimbro, anis estrelado, lavanda, por exemplo, são alguns dos diferenciais nas famosas “caipirinhas“ preparadas com o tradicional limão, e nas feitas com frutas da época. Adocicadas com um especial açúcar aromático que mescla e harmoniza com as caipirinhas propõe um sabor único e uma experiência inesquecível. Até mesmo porque as cachaças servidas são envelhecidas em tonéis de amendoim num período que vai de dezoito a trinta e seis meses.

Ainda em seu cardápio e bebidas, o Picanharia Mercadão oferece a Sangria Espanhola, servida em uma charmosa garrafinha com frutas feita com nobre vinho. E, para os mais audaciosos, que tal um litro de caipirinha de limão de puro sabor, e ser recepcionado com badaladas de sinos. E o famoso Moscow Mule é servido em sua tradicional e charmosa caneca acobreada.

O Picanharia Mercadão harmoniza suas bebidas com seus pratos; alguns exemplos como uma cachaça pernambucana e a sobremesa Gelato Sensazione. Inesquecível.

Ah, as sobremesas === E por falar em sobremesas, os doces apresentados no Picanharia Mercadão são únicos e de própria autoria. Assim, tâmaras – uma das frutas mais consumidas no Mercadão – tem adicionados ao seu sabor exclusivo o sorvete de iogurte grego e o morango. Para clientes que não dispensam um bom chocolate, a Tacita de la Madre é a escolha perfeita! Nela, o sabor do meio amargo se mistura com o da cachaça, que fica com um toque bem sutil. Já os apreciadores de sorvetes, o Gelato Sensazione vem com morangos, waflles e chocolate. Para os amantes de frutas, o vitral Frutado é uma excelente opção.

Para finalizar a experiência gastronômica a boa pedida é sempre um cafezinho artesanal, servido em coador individual, feito na hora. E para quem quiser levar um pouco do Picanharia Mercadão para sua casa, a mercearia oferece receitas e ingredientes de alguns dos segredinhos do restaurante, além de copos, taças, garrafas de cachaça, colheres decorativas e outros suvenires únicos.

A ideia == A proposta do Picanharia Mercadão é remeter o cliente à década de 30, quando surgiu o Mercado Cantareira, projetado pelo arquiteto Ramos de Azevedo e inaugurado em 1933.  Como quem vem cuidando de biojoias há uma década, Rodrigo Bolton e Lu Ferreira pensaram o Picanharia Mercadão com mãos de lapidadores: roupas, arquitetura e contextualização do ambiente trazem estampados a art. déco, estilo dominante da construção, e a moda da época.

E por que picanharia? “Porque é uma iguaria tipicamente paulista e uma alternativa gastronômica aos tradicionais pasteis e bolinhos de bacalhau e sanduíche de mortadela, servidos no Mercadão”, explica Bolton.

< com apoio de informações Primeira Página Comunicação/Luiz Carlos Franco  >

Serviço:

Picanharia  Mercadão

  • R. Cantareira, 306 – Mercado Municipal de São Paulo (Rua I Box 31/33)
  • Centro, São Paulo/SP
  • (11) 3229-8499
CN Institucional

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora