Com 13 anos de atraso, quando foi planejada pra 2005, com sucessivos adiamentos, a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) coloca em circulação neste sábado (31/03/2018), a primeira fase dos trens com destino ao Aeroporto Internacional Governador André Franco Montoro (conhecido como Cumbica), em Guarulhos. Com a entrada em funcionamento da Linha 13-Jade (Engenheiro Goulart-Aeroporto) a capital paulista e a rede metroferroviára passam a ficar conectadas ao maior aeroporto da América do Sul. Dos 12,2 km da linha, 8 km serão elevados e passarão em cima da rodovia Ayrton Senna, do Parque Ecológico Tietê e rodovia Presidente Dutra.  O custo projetado das obras chega a R$ 2,3 bilhões. Inicialmente, o chamado Trem de Cumbica funcionará em operação assistida, ou seja, em testes e sem cobrança de passagem.

No primeiro mês, os trens vão circular das 10 às 15 horas, aos sábados e domingos, entre as estações Engenheiro Goulart (zona leste da capital), Guarulhos-Cecap e o Aeroporto (ambas em Guarulhos). O trajeto será feito em aproximadamente 15 minutos e o intervalo entre as composições está estimado em 30 minutos. A partir do maio, a linha passa a operar todos os dias na semana, no mesmo horário. Durante esse período de operação assistida os passageiros viajam gratuitamente.

Em junho, com o início da operação comercial, haverá cobrança de tarifa (atualmente o valor é R$ 4) e funcionamento das 4 horas à meia-noite, horário padrão da CPTM. Antes da operação assistida, procedimento internacional adotado em trajetos novos, a linha passa por bateria de avaliações. Os testes de carga (com vagões cheios de areia para simular o peso dos passageiros) e os de sinalização, por exemplo, já foram concluídos. No momento, estão sendo realizados (em fase final) testes estáticos e dinâmicos de carga e de sistemas.

Expresso Aeroporto – Ainda em junho, entra em vigor o serviço Connect. O trem sairá da Estação Brás e seguira até a Estação Aeroporto-Guarulhos sem a necessidade de baldeação na Estação Engenheiro Goulart. Previsto para funcionar somente nos horários de pico, o Connect opera com trens que param nas estações para embarque e desembarque de passageiros. O tempo estimado de percurso é de 35 minutos e o valor da passagem, de R$ 4, é o mesmo do transporte público (ônibus, trem e metrô).

Previsto para entrar em vigor em julho, o serviço Airport-Express transportará os passageiros direto da Estação da Luz (centro da capital) à Estação Aeroporto Guarulhos. O tempo estimado de viagem é 35 minutos e os trens partirão em quatro horários programados nos dois sentidos. O valor da tarifa ainda não está definido, mas deverá ser mais elevado.

Na Estação da Luz há integração com as linhas 7-Rubi e 11-Coral (da CPTM) e as linhas 1-Azul e 4-Amarela (do Metrô), empresas vinculadas à Secretaria de Transporte Metropolitano. Primeira linha construída pela CPTM, a 13-Jade se estende por 12,2 km de trilhos, cruza o Rio Tietê e, em alguns pontos, a via se eleva (7,9 km estão construídos em via elevada e 4,3 km, em superfície) para sobrepor rodovias importantes da capital. São três estações: Aeroporto-Guarulhos, Guarulhos-Cecap e Engenheiro Goulart; esta última totalmente reconstruída e com plataforma exclusiva para atender a nova linha. Na outra plataforma opera a Linha 12-Safira (Brás-Calmon Viana), na capital paulista.

120 mil passageiros – A previsão é transportar 120 mil passageiros, por dia útil, entre a capital paulista e o Aeroporto de Guarulhos. Os serviços da Linha 13 atenderão os moradores das duas maiores cidades do Estado e servirá aos turistas e aos profissionais que vêm a São Paulo. Somente a comunidade do Conjunto Habitacional Cecap Zezinho Magalhães Prado, localizado às margens da Dutra, abriga 19 mil habitantes. Nas proximidades há o Terminal Rodoviário de Guarulhos e o Terminal da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU).

Uma passarela permitirá a esses passageiros o acesso à Estação Guarulhos-Cecap, que oferece escadas rolantes, escadas fixas e elevadores distribuídos pela área construída de 11 mil metros quadros (m2 ). Situada a 450 metros do Term1 do Aeroporto Internacional, a moderna Estação Aeroporto-Guarulhos é a maior da Linha Jade, com 21 mil m2 de área construída. Há elevador, 14 escadas rolantes e fixas para o passageiro seguir aos terminais de embarque e desembarque do aeroporto.

Observação:  Clique na imagem abaixo e faça sua primeira viagem no trem, saindo do Aeroporto de Cumbica em sentido de Engenheiro Goulart. Boa viagem!

No amplo mezanino da Estação Aeroporto está localizada a passarela sobre a  Avenida Helio Schmidt que conduz o passageiro ao aeroporto, num percurso de 450 metros até o Terminal 1; o Terminal 2 fica a 1,5 mil metros e o Terminal 3, a 2,5 mil metros. A chegada aos terminais de embarque e desembarque do aeroporto poderá ser complementada em ônibus gratuito, sob responsabilidade da concessionária, a GRU Airport. Esse tempo de percurso é estimado em 10 minutos.

Ônibus na Zona Norte == A partir deste sábado (31/03|), sete linhas metropolitanas que circulam entre Guarulhos e São Paulo terão o ponto final transferido para o novo Terminal do Metrô Tucuruvi, localizado na Avenida Dr. Antonio Maria de Laet – junto ao Shopping Metrô Tucuruvi.  Um ponto de passagem dentro do terminal atenderá três linhas que têm como destino Guarulhos. São as linhas 103 e 163, que partem do Metrô Parada Inglesa, e a Linha 500 que sai do Metrô Tietê. O Terminal Tucuruvi foi ampliado e reformado para acomodar as linhas metropolitanas gerenciadas pela Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU).

As sete linhas metropolitanas que passarão a fazer ponto final naquela área, mais os três serviços que atenderão os passageiros em trânsito na região, circulam no Corredor Metropolitano Guarulhos – São Paulo, que foi criado para oferecer à população viagens mais rápidas e seguras. Veja aqui  na reportagem do DiárioZonaNorte as linhas que tiveram o ponto final alterado.

Comunicação com a CPTM ===  A empresa colocou à disposição do passageiro o WhatsApp, a mídia mais utilizada pelos brasileiros, para enviar informações à companhia. O número 99767-7030 ficará disponível 24 horas para receber mensagens, vídeos e fotos com assuntos referentes ao sistema ferroviário. A equipe receberá essas mensagens e encaminhará à área responsável para providências. Os demais canais de comunicação continuam operantes como o chat on-line Conexão CPTM, as redes sociais ((TT @cptm_oficial e FB @cptm.fanpage), o telefone 0800-055-121 (24 horas), o Disk Denúncia pelo celular 97150-4949, além do formulário eletrônico que também está disponível na página Atendimento ao Usuário (http://www.cptm.sp.gov.br/ Pages/atendimento.aspx).

<< Com apoio de informações/fonte: Imprensa Oficial – Conteúdo Editorial/Repórter: Claudeci Martins >>


sicredi_institucional

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora