da Redação DiárioZonaNorte ===

Sindicato dos Motoristas e Trabalhadores em Transporte Rodoviário Urbano de São Paulo –  SINDMOTORISTAS,  cancelou a paralisação marcada para esta 4ª feira (11/04/2018), como parte de sua campanha salarial e combate à reforma trabalhista.  A paralisação que teria  duração de quatro horas (entre 2 e 6 horas da manhã), deveria  envolver todas as garagens de ônibus no município de São Paulo – afetando diretamente os Terminais de Ônibus da cidade.

Em nota, o Sindicato dos Motoristas e Trabalhadores em Transporte Rodoviário Urbano de São Paulo, explica o motivo do cancelamento:

“O SINDMOTORISTAS informa a todos que as atividades previstas para acontecerem nesses próximos dias 11 e 12 (paralisação e assembleia) foram suspensas. A suspensão se dá em virtude do setor patronal juntamente com o Poder Público sinalizarem interesse em reverem as propostas das cláusulas econômicas da Campanha Salarial.

Conforme o Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros de São Paulo  –  SPUrbanuss  , considerando a nova composição da Administração Municipal – com com o afastamento do prefeito João Dória – há um novo diálogo entre as empresas e o Poder Público, o que pode trazer significativos avanços nas tratativas”.

A nota ainda, fala sobre a atuação e mobilização dos trabalhadores, da diretoria e do presidente Valdevan Noventa, que garantiu a manutenção de todas as cláusulas da atual Convenção Coletiva de Trabalho, que garantiu o sucesso na  proposta de combate à nova lei trabalhista foi alcançada com sucesso.

De acordo com o comunicado, o  presidente do sindicato avisa que está aguardando o novo posicionamento e proposta dos patrões para convocar a categoria para novos atos. “Estamos atentos e dispostos para lutar pelos nossos direitos. Buscamos a valorização da categoria, portanto que a proposta a ser apresentada seja satisfatória e a altura do serviço prestado pelos trabalhadores”, concluiu Noventa.

CN Institucional

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora